Sonhos em Italiano…

Não há quem não conheça a musica napolitana. Mesmo quem pensa que não a conheçe. It’s Now or Never (O sole mio) ou Surrender (Torna a Surriento) são 2 famosas musicas de Elvis Presley que adoptaram a musicalidade da famosa cidade italiana. Os tenores Pavarotti e Carreras contribuiram também mais recentemente para tornar famosos os classicos napolitanos. E porquê? A musica napolitana espalhou-se pelo mundo graças ao fluxo emigrante do século passado que levou os naturais de Napoles para distantes paragens pelos 4 cantos do mundo. E é esse mesmo mundo que continua a acolher de bom grado a tradição napolitana de cantar a vida, as suas alegrias e tristezas.

E que tem tudo isto a ver com Pietra Montecorvino? Ao ouvir Napoli Mediterranea não consegui separar os termos que atrás referi: tradição, vida, alegrias e tristezas. E isso não é comum. Não é algo que se sinta todos os dias. Mas sente-se claramente ao escutar a voz calma mas tremendamente forte e cheia de emoção desta mulher que com as suas palavras nos leva a ver mar ao cair da noite e a cheirar azeite e oregãos enquanto brindam suavemente copos meio-cheios de um tinto rosado…

Napoli Mediterranea não é um album novo (é de 2003) mas ouve-se intemporalmente. Uma óptima razão para nos levar a explorar o universo desta multi-facetada artista.

As minhas fotos de Florença

p.s. E de repente, eis senão quando, lá estávamos nós, de novo nas ruas de Florença, mesmo á porta da Zázá, para mais um fim de tarde…

Partilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Comments { 1 }

A blogesfera no seu pior… E vai dai…

Um destes dias na Coreia, uma jovem levava consigo o seu cão quando viajava de Metro. Esse mesmos cão, como qualquer cão que se preze, resolveu deixar marca da sua passagem pela carruagem que o transportava e quando escrevo marca, não foi propriamente roendo os cantos aos assentos. Foi daquelas que deixam cheiro. E ao que parece, muito. Os outros passageiros que viajavam nessa mesma carruagem pediram á jovem que limpasse a “obra” do seu cão ao que esta prontamente respondeu qualquer coisa em coreano equivalente ao nosso vai-te f***r. Sem mais delonga, um dos passageiros (dado a estas coisas da Net e dos blogs) de imediato lhe tirou algumas fotografias e numa questão de minutos estavam já publicadas num site de grande visibilidade e provocando de imediato uma verdadeira caça ás bruxas levando a que a referida jovem fosse nacionalmente apelidada de gae-ttong-nyue (rapariga-m***a-de-cão). Os efeitos de tal publicação? Numa questão de dias, todo os seu passado era revelado publicamente, os seus parentes interpelados para comentarem, ela reconhecida em qualquer lugar que fosse… E a longo prazo? O que pode acontecer? Será a jovem forte o suficiente para aguentar tudo isso? A blogesfera está cá. Para o bem e para o mal. Para o que der e vier nesta sociedade de multiplos e individualizados “big brothers”

Noticia original aqui.

Partilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Comments { 0 }

WordPress versão 1.5.1.3

Afinal não é assim tão dificil. Fiz o update do WordPress para a versão 1.5.1.3 e a única coisa que tive que alterar manualmente foi o ficheiro locale.php onde são definidos os nomes dos meses (Janeiro, Fevereiro…). Como se pode imaginar, estavam em Inglês.

Partilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Comments { 0 }

Ainda o Batman…

Só para complementar o que referi aqui sobre o filme Batman Begins, fica o registo do exelente post feito em Me Subo? … O lo dejo passar acerca do referido filme. Em espanhol, gostei de ler. Diz tudo (ou quase)…

Partilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Comments { 2 }

Lisboa Interactiva – GoogleMaps mania

Vi que a Isa, o Vitor e o resto da blogsfera (não gosto do termo que querem?) nacional andam feitos doidos á volta do Google Maps e do nosso belo Portugal. Pois só para espicaçar um pouco a coisa aqui fica um pouco mais de detalhe: Lisboa Interactiva. Um website da Câmara Municipal de Lisboa onde podem encontrar ao detalhe de um prédio (eu vejo não só o meu pátio traseiro como a mesa de plástico branca que a minha vizinha de baixo tem no pátio dela) qualquer ruazita de Lisboa. Em mapa ou em fotografia. Experimentem. Garanto que, pelo menos caso vivam em Lisboa, não se vão arrepender.

Partilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Comments { 5 }